Navigation

Zurique lança experimento com maconha "recreativa"

Cannabis de baixo nível de THC vista em uma loja em Zurique (foto de arquivo) © Keystone / Gaetan Bally

A maior cidade da Suíça, Zurique, no próximo ano permitirá que as pessoas comprem produtos de maconha em farmácias e clubes sob condições controladas.

Este conteúdo foi publicado em 14. setembro 2021 - 14:14
swissinfo.ch/ets

O projeto piloto de três anos e meio, anunciado na terça-feira, aproveita uma mudança na lei que foi aprovada pelo parlamento no ano passado.

Isto permite às cidades realizar estudos científicos sobre os efeitos do mercado da maconha e do uso recreativo da droga.

O estudo "Züri Can - Cannabis com Responsabilidade" terá início no outono de 2022, disponibilizando diferentes produtos, cada um com um teor diferente de THC/CBD.

Os fabricantes locais devem ter uma licença de produção do Departamento Federal de Saúde Pública, garantindo os padrões de qualidade. Os consumidores de produtos de cannabis também serão limitados para proteger a saúde, a segurança pública e os menores.

O julgamento será supervisionado pelo hospital psiquiátrico da Universidade de Zurique.

Um terço da população suíça admitiu fumar maconha em algum momento da vida, enquanto cerca de 200.000 fumam regularmente.

Em 2008, quase dois terços dos eleitores suíços rejeitaram uma iniciativa de descriminalizar a maconha para consumo pessoal; foi a segunda votação nacional sobre o assunto em uma década.

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.