Navigation

Setor de viagens encantado com abertura das fronteiras dos EUA

Destinos populares nos EUA, como a Estátua da Liberdade, em breve estarão novamente abertos aos turistas da Suíça. Keystone / Justin Lane

As agências de viagens suíças estão esfregando as mãos com a abertura planejada das fronteiras dos Estados Unidos para europeus totalmente vacinados, após 18 meses de fechamento. As operadoras de turismo já estão recebendo as primeiras reservas.

Este conteúdo foi publicado em 22. setembro 2021 - 07:30
swissinfo.ch/fh

"Estamos satisfeitos que viagens de férias nos EUA sejam possíveis novamente a partir de novembro de 2021 - o interesse em viajar para os EUA aumentou desde ontem", disse na terça-feira (21) Bianca Gähweiler, porta-voz da Hotelplan. Ela disse que as primeiras reservas já haviam sido feitas para feriados na calorosa Flórida ou para viagens de compras de Natal em Nova York.

A TUI Suisse disse que já havia recebido perguntas de clientes sobre se e quando os EUA estarão disponíveis novamente. "Esperamos que estes clientes queiram fazer suas reservas nos próximos dias", disse a porta-voz Milica Vujcic.

Na segunda-feira, a Casa Branca anunciou que os estrangeiros vacinados de 33 países, incluindo a Suíça, poderiam entrar nos Estados Unidos a partir de novembro. Os adultos terão que provar que estão totalmente vacinados antes de poderem embarcar em um avião. Os viajantes também devem apresentar um teste Covid negativo com no máximo três dias de antecedência, como antes.

O coordenador do combate ao coronavírus da Casa Branca, Jeff Zients, não deu uma data precisa para o início das novas regras além de dizer "início de novembro", e muitos detalhes da nova política ainda estão sendo decididos.

Isso acaba com uma longa proibição de viagens para os Estados Unidos. Em março de 2020, no início da pandemia, o então presidente Donald Trump ordenou uma proibição de entrada para não cidadãos americanos da maior parte do mundo, incluindo dezenas de milhares de estrangeiros com parentes ou vínculos comerciais nos EUA.

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.