Navigation

Setor de turismo levará décadas para se recuperar da pandemia

Nydegger projetou que haverá 10% menos turistas nacionais este ano do que no ano passado, já que mais suíços viajam ao exterior graças à flexibilização das restrições fronteiriças. Keystone / Urs Flueeler

O presidente da agência de promoção turística Suíça Turismo diz que o ano de 2021 deve ser ainda pior do que 2020, com 5% a menos de estadias em hotéis.

Este conteúdo foi publicado em 25. julho 2021 - 11:59
swissinfo.ch/fh

"Essa não é uma boa notícia, pois 2020 foi o pior ano da história" para o setor, disse Martin Nydegger ao jornal suíço SonntagsZeitung.

As receitas do turismo internacional caíram quase 50% em 2020, mostram os números oficiais.

"A vida para o turismo suíço será difícil nos próximos anos", disse Nydegger, ressaltando que enquanto o turismo de lazer está voltando a crescer, as viagens de negócios provavelmente não voltarão aos níveis pré-pandêmicos.

Ele projetou que haverá 10% menos turistas nacionais este ano do que no ano passado, já que o número de suíços que viajam ao exterior será maior, graças a uma flexibilização das restrições fronteiriças.

Mas isto pode ser compensado por um número maior de turistas do exterior visitando a Suíça. O país alpino está registrando cerca de 15% de aumento de turistas de países vizinhos neste verão, incluindo Alemanha, França, Itália, Áustria e Bélgica. Os números também estão aumentando nos Estados do Golfo e dos Estados Unidos.

Mas os turistas de uma região fundamental parecem mais relutantes.

"Nos próximos dois ou três anos não veremos praticamente o mesmo número de asiáticos [turistas] que víamos antes do coronavírus", disse Nydegger.

Um desafio permanente para o setor é a falta de coordenação em torno das restrições de viagem dentro da Europa, que Nydegger descreveu como "confusa" para os futuros turistas.

Mas ele também reconheceu a necessidade de vacinar mais os profissionais do turismo antes que o setor se recupere totalmente. Alguns hotéis também estão explorando a possibilidade de receber apenas hóspedes vacinados, disse ele.

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.