Navigation

Partes da Suíça permanecem em alerta de inundações

Bombeiros colocam barreiras de proteção contra enchentes na capital suíça, Berna, no sábado, 10 de julho Keystone / Peter Klaunzer

Áreas da capital suíça Berna e alguns lagos da região alpina ainda estão em alerta para possíveis enchentes após fortes chuvas durante a noite.

Este conteúdo foi publicado em 11. julho 2021 - 10:48
swissinfo.ch/fh

A Suíça Central também foi atingida por fortes tempestades no final da noite de sábado, levando à evacuação de 30 casas e dois acampamentos de jovens e à inundação que cortou temporariamente o acesso à região de Engelberg.

O Departamento Federal do Meio Ambiente manteve o nível de perigo de inundação em três (perigo considerável) para vários lagos na região alpina: Lagos Thun, Brienz e Lucerna. Também foi acrescentado no domingo o Lago de Zurique.

No sábado, os serviços de proteção e resgate da cidade de Berna disseram que estavam se preparando para o risco de enchentes em certas áreas. A situação continua precária devido às chuvas da noite para o dia. Mas não houve mudança da meia-noite à madrugada do domingo, disse uma porta-voz dos serviços à agência Keystone-SDA.

Chuva forte

De quarta a sexta-feira, na Suíça, houve chuvas extremamente fortes, com queda de 2,7 trilhões de litros de água, de acordo com o Departamento Federal de Meteorologia e Climatologia (MeteoSwiss). Algumas partes da Suíça, como o Ticino, de língua italiana, ou áreas do cantão sudeste dos Grisões, registraram 120-200 milímetros de precipitação durante este período, disse o MeteoSwiss em um blog na sexta-feira. Abaixo está o rio afetado no Ticino.

Conteúdo externo

Aqui, também no Ticino, as chuvas torrenciais.

Conteúdo externo

O lado norte dos Alpes viu entre 80-120 mm de chuva.

Um verão especial

O verão na Suíça, como em outras partes da Europa, começou de forma instável. Junho viu chuvas torrenciais, tempestades e até granizo do tamanho de bolas de golfeLink externo em algumas partes do país.  MeteoSwiss advertiu que há mais chuvas pela frente a partir de terça-feira.

No geral, apesar do tempo chuvoso, a Suíça teve o quarto junho mais quente desde que as medições começaram em 1864, acrescentou MeteoSwissLink externo.

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.