Navigation

Jovens suíços ainda teimam em não tomar vacina

Os especialistas em saúde recomendam que mais pessoas de todas as faixas etárias sejam vacinadas contra a Covid-19. Keystone/Ennio Leanza

Especialistas suíços em saúde convocaram as pessoas a se vacinarem contra a Covid-19 para evitar outra onda da pandemia no final deste ano.

Este conteúdo foi publicado em 22. julho 2021 - 07:45
swissinfo.ch/fh

Patrick Mathys, do Departamento Federal de Saúde Pública, confirmou um rápido aumento no número de infecções, mas disse que era muito cedo para tirar uma conclusão. Na terça-feira, 707 novos casos foram registrados em 24 horas, contra 483 na terça-feira passada.

Ele disse que o departamento estava acompanhando a situação de perto para decidir sobre os próximos passos. O governo, cujo objetivo declarado é evitar um colapso do sistema de saúde, provavelmente se reunirá em meados de agosto para rever sua política.

Mathys disse que não estava claro se um surto nos casos Covid levaria a um aumento nas admissões hospitalares e a um excesso de capacidade nas unidades de terapia intensiva.

"O número de novas infecções por dia poderia logo atingir a marca de 1.000", disse em uma coletiva de imprensa. "A boa notícia é que as hospitalizações permaneceram em um nível baixo".

Samia Hurst, especialista em bioética e membro da força tarefa científica Covid-19 do governo, advertiu que uma nova onda de infecções não poderia ser excluída se a porcentagem de pessoas vacinadas não for maior.

"Estamos vendo uma inversão de tendências", disse ela. "A situação não é mais reconfortante. Tornou-se preocupante".

Ela disse que todas as faixas etárias poderiam ser beneficiadas se recebessem a vacina.

Os números mais recentes mostram que é especialmente o grupo etário de 20-29 anos que é atingido por infecções com a chamada variante Delta. É o mesmo grupo que ainda tem uma baixa taxa de vacinação

Fosso geracional

O especialista político Michael Hermann, diretor do instituto de pesquisa Sotomo, disse que era impressionante como a geração mais jovem não estava usando a mídia tradicional para se informar sobre os diferentes aspectos da pandemia.

Ele recomendou tentar outros canais para alcançar a geração mais jovem.

O instituto tem publicado regularmente pesquisas, realizadas pela empresa de pesquisas Demoscope, em nome das autoridades sanitárias.

Ele observou que a pandemia de Covid havia sido politizada durante os últimos 17 meses e que as atitudes tanto dos apoiadores quanto dos opositores da política do governo estavam ficando mais polarizadas.

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.